Mnet responde as acusações de manipulação no Produce 101

83

A promotoria encontrou evidências reais de manipulação na classificação para a primeira temporada de “Produce 101”.

De acordo com a acusação escrita que o Ministério Público do Distrito Central de Seul apresentou à Assembléia Nacional no dia 3 de dezembro, a promotoria acusou Ahn Joon Young (diretor de produção da série “Produce”) e Kim Yong Bum (produtor principal) por conspirar para interferir na seleção, treinamento e estreia dos grupos de ídolos da CJ ENM. Isso foi redigido de uma maneira que sugeria que Ahn Joon Young e Kim Yong Bum estavam agindo por conta própria e que CJ ENM era a vítima.

No entanto, os meios de comunicação informaram que outro membro da equipe de produção alterou as classificações dos membros da competição, sugerindo que este não é um problema de membros individuais da equipe, mas um problema estrutural na CJ ENM.

A Media Today obteve uma cópia da declaração explicativa da acusação por não-acusação, na qual os promotores declararam que a equipe de produção “Produce 101” manipulou votos para a transmissão ao vivo do final da 1ª temporada em abril de 2016. Isso incluiu os dois votos online antes do final e votos em texto enviados durante o final. Eles mudaram os votos e manipularam as classificações para que um trainee que tivesse classificado no Top 11 (“A”) fosse removido e um trainee que não tivesse classificado no Top 11 (“B”) fosse trazido. Isso não foi incluído na acusação escrita que os promotores enviaram à Assembléia Nacional.

A Mnet respondeu ao relatório afirmando: “Não foi possível verificar a declaração explicativa de não-acusação contra Ahn Joon Young, por isso não conhecemos o conteúdo. Também não temos nada a dizer sobre o produtor-chefe Han. ”